Anuidade da ENESSO – Sem Finanças Não dá!!!


A ENESSO, entidade máxima de representatividade dos estudantes de Serviço Social em todo o país, junto com C.A’s e D.A’s, busca contribuir com a construção de outro projeto societário articulando o MESS em nível nacional, interagindo com outros movimentos sociais, fomentando o debate acerca de questões sobre conjuntura, cultura, formação profissional, movimento estudantil, universidade e opressões, articulando com o conjunto CFESS/CRESS e ABEPSS em defesa do projeto ético-político. O Movimento Estudantil de Serviço Social – MESS luta pela igualdade de classe, gênero e raça não se restringindo a discutir as questões da educação de forma isolada, mas contextualizada, criando assim, condições concretas para transformação do conjunto da sociedade.

Os recursos financeiros que são destinados à ENESSO são feitos a partir do PAGAMENTO DA ANUIDADE no valor de meio (1/2) salário mínimo vigente, o qual é dividido entre a Coordenação Regional e Nacional (sendo destinados 50% pra cada). A contribuição é feita via C.A ou D.A ou pela organização dos estudantes de cada escola.

Conforme o Estatuto da ENESSO, pelo menos metade da anuidade deverá ser paga no ENESS (encontro nacional) e, a outra metade até o Seminário Nacional ou Regional de Formação Profissional e Movimento Estudantil em Serviço Social.

Os recursos financeiros são destinados a produção de textos, cartilhas, boletins, encontros, palestras, deslocamento dos representantes da ENESSO, campanhas. Ressaltamos que a ENESSO não é uma empresa ou instituição com fins lucrativos, necessitando da cooperação financeira de seus participantes para que ela possa atuar com autonomia e independênciacom relação à universidade, empresas ou partidos políticos, sem perder de vista os interesses dos estudantes. Por isso a ENESSO precisa da contribuição da anuidade e nada mais legítimo que as escolas colaborem pagando anuidades para viabilizar as atividades de sua entidade na articulação das escolas fomentando as discussões que foram deliberadas por todos os estudantes presentes no ENESS, com finalidade do fortalecimento do MESS.

Podemos perceber, portanto que há muito que fazer. Só que para isso são necessárias condições objetivas e materiais. “SEM FINANÇAS, NÃO DÁ”, e como sabido, a ENESSO vem passando por dificuldades financeiras. Então, de que forma manter a autonomia do movimento no sentido de trabalhar em prol do interesse dos estudantes e dos trabalhadores, sem se deixar levar pelas questões concretas de dinheiro que é o que viabiliza tal movimento? Como cumprir atividades sem recursos financeiros? Como ampliar nossa política financeira que garanta nossa independência e autonomia? Como sensibilizar os estudantes para que compreendam a importância do pagamento da anuidade??

Mais do que nunca, as escolas precisam de ferramentas gerenciais para maximizar suas economias, fazer frente a crescente crise que invade o país para poderem ter condições de pagar a anuidade à ENESSO. Para isso é importante um “planejamento financeiro” ou um “orçamento programa” (nome mais apropriado para um orçamento que é precedido de um cuidadoso planejamento para o ano vigente e para os próximos anos). Este estudo deve ser usado como baliza, não tanto pelos acertos e erros dos valores ali colocados, mas como uma bússola que vai nortear e medir o alcance das metas estabelecidas.

Caso sua entidade queira regular sua anuidade com a ENESSO, entre em contato com:

Clara Rodrigues: claracosta154@gmail.com/ (91) 9 8170-7041

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: