Nota de Apoio a estudante Tainan


Nota de Apoio a estudante Tainan

A Executiva Nacional de Estudantes de Serviço Social – ENESSO da Região Sete vem por meio desta se solidarizar e manifestar total apoio à estudante Tainan Conrado do Curso de Serviço Social da Universidade Federal de São Paulo, Campus Baixada Santista diante do fato ocorrido junto ao corpo docente do referido curso, externamos ainda a nossa total indignação e repúdio no que se refere ao ‘equívoco’ no encaminhamento direcionado pelo mesmo diante a situação com a abertura de um processo administrativo contra a jovem estudante.

60338979_2000383856755215_57393587846905856_o.jpg

Entenda o caso:
Ocorre que, conforme relata via e-mail a estudante Tainam Conrado, ao longo dos anos e no decorrer dos semestres docentes do Curso de Serviço Social tem externado seu ‘descontentamento’ frente a alguns casos envolvendo docentes do curso, e que ficou mais perceptível quando a estudante Tainan Conrado decidira dar maior visibilidade para a situação, e, de acordo com seu relato, assumindo seus excessos, descreve que passou a encaminhar vários e-mails para o corpo docente, inclusive no e-mail pessoal destes, o que “incomodou” os/as 

docentes do curso, resultando então na abertura de um processo administrativo contra a jovem estudante com a perspectiva de resolver a situação. No entanto, ressalta-se que, trata-se de uma mulher negra, jovem estudante, militante que 

ao longo do seu cotidiano vivência na própria pele as facetas do Racismo, seja este institucional ou não, e que lamentavelmente e infelizmente não é diferente no âmbito acadêmico, pois para nossa profunda tristeza, sem romantizações, está também inserido dentro de um curso que tem o caráter e a direção social (ético-politica) ao qual o Serviço Social Brasileiro tanto defende e afirma ao longo da história.

Poderemos ainda relatos de alguns colegas de curso que tem acompanhado de perto o caso, e referem que, não a partir do acorrido, mas um processo que vem anteriormente, relatam que 

a jovem Tainan passa por um processo de adoecimento, o que ora é afirmado por ela mesma, compreende-se como resquícios desse cruel sistema ao qual estamos inseridos/as. Assim, partimos do pressuposto que a questão do racismo está imbricada nesta sociedade genuinamente racista, porém, consideramos inadmissível a atitude do corpo docente frente ao caso, que ao apresentar soluções em uma perspectiva punitiva (mesmo entendo que não por algumas partes), um tanto quanto contraditória, que 

se distancia totalmente das defesas que historicamente essa categoria profissional tem feito e faz, visto que, temos uma compreensão que o Serviço Social Brasileiro tem demonstrado uma luta contra todas as formas de opressões dentro da sociedade capitalista, visando uma emancipação política e lutando por uma Emancipação humana genérica.

Portanto, explicitamos que repudiamos toda e qualquer ação que caminhe na direção da contramão do que está pressuposto no Código de Ética desta categoria profissional elucidando que é inerente a nós, enquanto estudantes que compõe o espaço do Movimento Estudantil de Serviço Social nos posicionarmos em e na defesa dos nossos pares. 

Frisamos que, enquanto ENESSO temos acompanhado de perto todo esse processo e sabemos que as negociações estão em andamento, na certeza de que haverá uma solução plausível que compactue com nossas defesas, cientes que “o/a inimigo/a” que precisa e deve ser combatido não são aqueles/as que compartilham do mesmo projeto de sociedade que nós.

Sigamos bravamente, trabalhadoras/es estudantes que em um determinado momento da vida decidiram ocupar esse lugar que a muito nos foi negado, cientes que muitos são os desafios, somos sabedores que nossos corpos incomodam e continuarão a incomodar, pois não recuaremos, não retrocederemos e não aceitaremos qualquer atitude que queira cercear-nos. Lutemos para termos cada vez mais vez, voz e lugar.

 

Desse modo, conclamamos a somarem conosco nessa luta todas/os que historicamente constroem essa categoria profissional, aos militantes, os/as profissionais Assistentes Sociais, os/as discentes e docentes, tanto da graduação quanto da pós-graduação, aos supervisores de campo e acadêmico e a cada um/uma que compactua com o mesmo projeto societário que nós, que possamos nos rever para que assim seja possível a materialização do que está transcrito nos princípios do nosso Código de Ética.

 

Anúncios

Sobre ENESSO

A ENESSO, Executiva Nacional de Estudantes de Serviço Social, é a entidade máxima de representação das/os estudantes de Serviço Social do país. Esta se coloca em defesa da universidade pública, gratuita, democrática, laica, popular, de qualidade, com ensino presencial e juntamente com outros movimentos sociais, luta por um novo projeto societário.

Publicado em 13/05/2019, em Geral. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: